Semi-úmido (2019, 25′) / RJ / Documentário
Direção: Dir. Luisa Mello e Vinicius Forain

A artista visual Claudia Tavares coleta em garrafas de vidro o excesso de umidade do seu ateliê no Rio para criar um jardim em Floresta, um vilarejo no nordeste semi árido do Brasil, aonde não chove há mais de 5 anos. O documentário acompanha a jornada de Claudia e sua filha Sofia à esse vilarejo aonde o pai de Sofia vive. O filme é sobre o encontro entre duas realidades que se conectam pela água e afeto.